Agende um horário

Consultoria gratuita? Pois é, aproveita!

Somos especialistas em Marketing para Educação e Ensino

8 passos para Melhorar as Metas de Captação da sua IES

No universo altamente competitivo do ensino superior privado, as instituições de ensino (IES) enfrentam desafios significativos na busca por novos alunos. Nnesse cenário, estabelecer metas claras de captação é um passo fundamental para o sucesso das campanhas de matrícula.

As metas de coleta representam os objetivos quantitativos e qualitativos que uma instituição de ensino superior deseja alcançar ao atrair novos alunos, abrangendo vários aspectos, desde o número de novos alunos matriculados até a diversidade do corpo discente e a melhoria da qualidade educacional.

No artigo de hoje, falaremos sobre a importância de se estabelecer metas claras e palpáveis para a captação, aprimorando o uso de recursos e calibrando as expectativas dos times de gestão financeira, marketing e vendas.

O que são Programas de Fidelização para IES e como montar do ZERO.

1. Alinhamento estratégico

O alinhamento estratégico é o primeiro passo para fazer com que todas as peças do quebra-cabeça se encaixem quando se trata de definir metas de captação para IES. Em outras palavras, não basta jogar as metas no papel e esperar que tudo funcione, é importante que essas metas estejam alinhadas com o propósito e os objetivos gerais da instituição.

Imaginemos que uma instituição quer se destacar na área de pesquisa. Nesse caso, suas metas de captação podem incluir o aumento no número de estudantes de pós-graduação envolvidos em projetos de pesquisa. Agora, se o foco da IES for recrutar alunos de diferentes origens étnicas e culturais, você direcionará as metas a ações de fomento à diversidade, não é mesmo? Perceba que, quando as metas estão alinhadas com a estratégia global da instituição, todos trabalham na mesma direção.

Esse alinhamento não só ajuda a direcionar as ações de captação, mas também garante que cada conquista contribua para o progresso geral da instituição, resultando em um crescimento sustentável e bem sucedido. Portanto, o truque é garantir que suas metas não sejam estrelas isoladas, mas parte de uma constelação que formará o sucesso da instituição.

A importância das avaliações dos alunos e funcionários da sua IES

O feriado prolongado pode ser um aliado da sua IES: entenda como.

2. Metas SMART

O próximo passo – e um dos mais importantes – é definir metas mensuráveis. Não adianta simplesmente afirmar “queremos mais alunos”, você deve traçar um objetivo mais específico e que possa ser medido.

Como otimizar o processo de rematrícula na sua IES

Você já ouviu falar em metas SMART? Metas SMART são objetivos estrategicamente definidos que atendem a critérios de serem Específicos, Mensuráveis, Alcançáveis, Relevantes e com Prazo Determinado. Isso significa que as metas devem ser claramente definidas, de modo que todos compreendam o que precisa ser realizado; quantificáveis ​​para que possam ser monitorados e avaliados; viáveis ​​dentro das possibilidades e recursos disponíveis diretamente relacionados aos objetivos maiores da organização; e com um prazo estabelecido para realização, o que proporciona um senso de urgência e responsabilidade na busca pelo seu cumprimento.

7 dicas para contornar objeções de vendas na sua IES

As metas SMART são uma ferramenta eficaz de planejamento e gerenciamento, garantindo que as organizações estabeleçam metas realistas e mensuráveis ​​para alcançar o sucesso. Isso significa que você precisa de um alvo claro, algo que possa ser medido para saber se você está no caminho certo ou não. Além disso, é essencial que essas metas sejam realistas, ou seja, que sejam alcançadas com os recursos e o tempo que você estiver disponível.

Voltando ao caso genérico da IES que “quer mais alunos”, perceba que a meta SMART “aumentar a matrícula de graduação em 15% até o final do ano” seria muito mais clara e executável para as equipes envolvidas na captação. Dessa forma, é possível ter uma ideia clara de progresso ao longo do tempo e ajustar as estratégias quando necessário.

O que faz uma agência de marketing digital educacional e por que contratá-la?

3. Análise de Mercado

Aqui, vamos entrar no mundo da análise de mercado e por que ela é vital quando se trata de estabelecer metas de captação. Imagine uma análise de mercado como um farol que ilumina o caminho. Antes de definir suas metas, você precisa entender o ambiente em que está operando. Quem são seus concorrentes? O que os estudantes estão procurando? Qual é a demanda por cursos ou programas específicos? Essas são algumas das perguntas que uma análise de mercado ajuda a responder.

Eventos nas IES: despesas ou investimentos?

Ao compreender a concorrência e as tendências do setor, você pode estabelecer metas realistas e adaptadas ao mercado. Por exemplo, se sua análise mostra que a demanda por cursos de tecnologia está aumentando, faz sentido definir metas de captação para esse campo específico. Isso não apenas maximiza suas chances de sucesso, mas também ajuda a alocar recursos de forma mais eficiente, concentrando esforços onde eles têm o maior impacto. Portanto, antes de definir metas de captação, é essencial iluminar o caminho com uma análise de mercado sólida para tomar decisões informadas e estratégicas.

Como avaliar a viabilidade do lançamento de um curso superior na sua IES

4. De Olho no Orçamento

Definir metas de coleta que se encaixam no orçamento é uma parte crítica do planejamento de marketing para instituições de ensino superior. A captação de estudantes requer investimentos em estratégias de marketing, publicidade e recursos para alcançar os objetivos definidos. Portanto, ao estabelecer metas, é essencial considerar o orçamento disponível e garantir que as metas sejam realistas em relação aos recursos financeiros da instituição.

Marketing digital educacional como estratégia financeira para a sua IES

Primeiro, é importante determinar o valor que uma instituição está disposta a investir na captação de estudantes, levando em consideração os custos de publicidade, pessoal, ferramentas de marketing e outras despesas relacionadas. Uma vez estabelecido o orçamento, as metas podem ser adaptadas para serem alcançadas dentro desses limites financeiros. Isso pode envolver a definição de metas de coleta de acordo com a relação custo-benefício de diferentes estratégias de marketing.

Além disso, é fundamental considerar o retorno sobre o investimento (ROI) esperado ao definir metas de captação. Isso significa que as metas devem ser projetadas de forma a aplicar o investimento em marketing. Por exemplo, se uma instituição estabelece como meta aumentar a matrícula em 10%, é importante calcular o custo estimado por aluno captado e compará-lo com o valor que um aluno trabalha para a instituição ao longo de sua jornada acadêmica.

Em resumo, ao estabelecer metas de coleta que se encaixam no orçamento, as instituições de ensino superior podem garantir que suas ambições de crescimento sejam financeiramente viáveis ​​e estrategicamente alinhadas com seus recursos disponíveis. Isso requer uma análise cuidadosa do orçamento, uma alocação eficaz de recursos e a consideração do ROI, garantindo que as metas definidas estejam em harmonia com as capacidades financeiras da instituição.

Custo por Clique, Taxa de Conversão, Custo por Lead, Taxa de Aproveitamento e outras métricas as quais você precisa estar atento

5. KPIs e Métricas de Acompanhamento

Ao estabelecer metas, é fundamental identificar quais indicadores de desempenho são os mais relevantes para medir o progresso em direção a essas metas. Isso pode incluir estatísticas como a taxa de conversão de leads em alunos matriculados, o retorno sobre o investimento (ROI) de campanhas de marketing, a taxa de retenção de alunos e o custo por aluno captado. Cada uma dessas análises fornece informações valiosas sobre o desempenho das estratégias de captação.

Os KPIs (Key Performance Indicators) são indicadores-chave de desempenho usados ​​para medir o progresso e o sucesso de uma organização em relação aos seus objetivos estratégicos. Essas análises quantificáveis ​​e específicas são cruciais para avaliar o desempenho em áreas fundamentais, como vendas, marketing, operações e finanças, pois fornecem uma visão clara do desempenho atual, permitindo que as empresas identifiquem áreas de melhoria e ajustem suas estratégias para alcançar metas específicas de maneira mais eficaz.

As 4 Métricas do Mercado de Educação que você precisa conhecer

Alguns KPIs importantes para o aprimoramento das campanhas de Marketing são: Taxa de Conversão de Leads em Clientes, Taxa de Cliques (CTR – Click-Through Rate), Taxa de Abertura de E-mails e Indicadores de Engajamento em Redes Sociais. Já no setor de vendas, podemos observar a Receita Mensal, Semestral ou Anual, o Valor Médio de Compra por Cliente, a Taxa de Retenção de Clientes e o Tempo Médio de Ciclo de Vendas.

A escolha dos KPIs é crucial, pois eles servem como bússolas para direcionar os esforços de captação de forma eficaz, permitindo que as instituições de ensino superior saibam o que está funcionando e o que precisa de ajustes. Além disso, o acompanhamento constante dessas análises ao longo do tempo ajuda a identificar tendências e padrões, permitindo tomadas de decisões informadas.

O que é CRM e por que ele é a estratégia #1 para processos mais eficientes.

6. Estratégias-chave de Marketing

No contexto do estabelecimento de metas de captação para instituições de ensino superior, as estratégias de marketing digital desempenham um papel crucial. Aqui, separamos três componentes-chave que merecem destaque: o marketing de conteúdo, a gestão de tráfego e o Customer Relationship Management (CRM).

O marketing de conteúdo é uma estratégia essencial para envolver e envolver potenciais estudantes. Isso envolve a criação de conteúdo educacional relevante, como blogs, artigos, vídeos e webinars, que respondem às suas perguntas e dores. Ao estabelecer metas claras de coleta, o marketing de conteúdo ajuda a atrair tráfego avançado, construir autoridade no setor e nutrir relacionamentos com os leads ao longo do tempo, aumentando as chances de conversão.

A importância do Conteúdo de Qualidade para o marketing da sua IES.

 O bê-a-bá do E-mail Marketing para Instituições de Ensino Superior (IES).

Conteúdo audiovisual para IES: tendências e dicas práticas.

A gestão de tráfego envolve a otimização de campanhas de publicidade online, SEO (Search Engine Optimization) e a utilização de mídias sociais para direcionar o tráfego avançado para o site da instituição. Ao estabelecer metas, é essencial alinhar as estratégias de gestão de tráfego para garantir que o público certo seja direcionado para as páginas de destino relevantes. Isso envolve definição de orçamentos, seleção de plataformas de anúncios e monitoramento constante para otimização.

Entenda o que são: Tráfego Pago, Orgânico e Gestão de Tráfego.

Já o Customer Relationship Management (CRM) é vital para manter um registro organizado de leads e prospects, bem como para manter uma comunicação eficaz com eles. Os sistemas de CRM permitem rastrear as interações dos estudantes em potencial, segmentar leads com base em critérios específicos (como interesse em programas acadêmicos) e personalizar as comunicações. Ao estabelecer metas, um CRM eficaz auxilia na nutrição de leads ao longo do funil de conversão, melhorando as taxas de conversão e o engajamento do público.

Como usar o CRM para enriquecer a experiência dos seus alunos e fidelizá-los.

7. Ajustes e Otimização

A fase de avaliação e ajuste de metas desempenha um papel crítico no ciclo de coleta de estudantes para instituições de ensino superior. Após o estabelecimento de metas claras e a implementação de estratégias de marketing, monitore o progresso e eficácia para garantir que as metas sejam alcançadas de maneira eficaz e eficiente.

O que é Inbound Marketing

A partir da análise, as metas podem ser reavaliadas e ajustadas, se necessário. Por exemplo, se os resultados indicarem que as metas originais eram ambiciosas demais ou muito conservadoras, você poderá realizar as alterações adequadas para alcançar melhores resultados.

Além disso, como as estratégias de marketing podem ser otimizadas com base nos dados coletados, isso melhora o desempenho e a eficácia das campanhas de captação. A avaliação e o ajuste de metas são um processo contínuo que visa garantir que as instituições atinjam e superem seus objetivos de captação de estudantes de maneira eficaz e eficiente.

A importância das avaliações dos alunos e funcionários da sua IES

Neste contexto, a otimização da taxa de conversão (CRO – Conversion Rate Optimization) desempenha um papel fundamental, pois possibilita aprimorar a eficiência do processo de conversão, priorizando a transformação de leads em estudantes matriculados. Isso vai além da atração de mais tráfego, buscando melhorar a taxa de conversão em cada etapa do funil de captura.

Avaliar e ajustar metas com ênfase em CRO não apenas ajuda a atingir as metas de captação, mas também o faz de maneira mais eficiente, reduzindo desperdícios de recursos e ampliando o impacto das estratégias de captação. A combinação de análise de análises, otimização e ajuste constante de metas é fundamental para o sucesso contínuo na captação de estudantes para instituições de ensino superior.

Conversion Rate Optimization (CRO): como escalar os resultados da sua IES.

8. Ferramentas e Recursos de Automação

A automação de marketing desempenha um papel significativo na execução das metas de captação, simplificando uma variedade de tarefas, economizando tempo e recursos e aumentando a eficácia das estratégias de captação.

Com a automação, é possível segmentar leads com base em critérios específicos, personalizar comunicações, nutri-los ao longo do funil de conversão e programar o envio de mensagens em momentos estratégicos. Isso não apenas melhora a experiência do lead e fornece informações relevantes e oportunas, mas também aumenta a eficiência das equipes de marketing, permitindo que se concentrem em tarefas de maior valor.

Lista Inteligente de Leads: como utilizá-la nas campanhas de Marketing.

Além disso, a automação de marketing fornece insights valiosos por meio da análise de dados, permitindo ajustar e otimizar as estratégias com base no desempenho real, aumentando a capacidade de atingir metas específicas com maior precisão.

A RD Station, da qual a Astronauta é parceira no nível máximo Diamond, oferece uma variedade de recursos que permitem a automação de tarefas como o envio de e-mails personalizados, o rastreamento do comportamento dos leads em tempo real e a segmentação com base em critérios específicos. Essas capacidades facilitam a nutrição de leads ao longo do funil de conversão, garantindo que os estudantes em potencial recebam informações relevantes no momento certo.

Oportunidade ou Negociação? Como ter maior clareza sobre a transição do lead entre Marketing e Vendas

Conforme vimos no artigo de hoje, a captação de estudantes para instituições de ensino superior exige a definição de metas específicas e a implementação de estratégias bem planejadas. Estes fatores, unidos à análise contínua de indicadores e a otimização das estratégias, aprimoradas por ferramentas e recursos adequados, são cruciais para o sucesso a longo prazo na captação de estudantes em um cenário altamente competitivo de IES privadas.

Guia Prático – Introdução à Campanha de Captação

Se  a sua IES precisa aprimorar as metas de captação, converse com a gente!

plugins premium WordPress